SVA

Empresa de Telecom: SVA não é gasto, é investimento

Superplayer
Escrito por Superplayer em 05/02/2020
Se inscreva!

Deixe seu e-mail para receber mais conteúdos como esse na sua caixa de entrada

Quantas empresas de Telecom, assim como a sua, você conhece? Aposto que muitas. E quantas delas estão se destacando de verdade? Agora talvez você não conheça tantas assim. Eu não sei quais foram as suas respostas para essas perguntas, mas de uma coisa eu sei: as empresas de Telecom que mais se destacam no mercado são aquelas que entenderam a importância de investir em SVA.

Imagine que você faça um investimento que tenha impacto tanto no lucro quanto na percepção de marca da sua Telecom… Isso mesmo, um investimento que resolva esses dois problemas – que são talvez os maiores desafios de uma Telecom: lucrar mais e se diferenciar da concorrência.

Um SVA trás um duplo benefício para seu provedor

Parece mentira, mas os SVAs podem realmente cumprir esse papel duplo na sua empresa. E assim, não tem como não crescer.

Provavelmente você já sabe, mas um SVA não é um serviço de telecomunicação em si, mas um serviço que é disponibilizado atrelado a um serviço de telecomunicações existente, e por isso não está sujeito às regulamentações da ANATEL.

Um celular que possui internet 3G ou 4G é um exemplo de serviço de telecomunicação, definido como SCM (Serviço de Comunicação Multimídia). Os demais serviços vinculados, como notícias por SMS, músicas, antivírus, ringtones personalizados e tantos outros ofertados, são os SVAs.

SMS e ringtones são exemplos mais antigos e “clássicos” de SVAs. Hoje em dia a oferta vai muito além desse básico.

O SVA na prática, é um conceito que traz um número enorme de oportunidades de exploração de produtos e serviços, com baixa ou até nenhuma incidência de impostos. Esta diferença se dá em função dos diversos entendimentos judiciais e administrativos conflitantes existentes.

Os “Serviços de Valor Agregado” te ajudam a lucrar mais por sofrerem uma tributação bem diferente de um serviço de telecomunicação comum. Ou seja, você gasta muito menos com eles enquanto oferece mais opções e mais qualidade para os seus clientes.

É por isso que eles são vistos hoje quase como “investimentos”… pois ao investir em SVA você está praticamente comprando desconto (ou até comprando dinheiro).

É por essa combinação de geração de valor ao cliente com diminuição do pagamento de impostos que os SVAs vem ganhando tanta importância.

Simplificando, é assim: você está gerando mais valor para o seu cliente enquanto literalmente economiza em impostos. Isso mesmo.

Parece perfeito, não é? Mas a gente sabe que existem alguns produtos de SVA que muitas vezes são como “presentes de grego”… funcionam tão mal que seria melhor nem ter ganhado. E convenhamos, não é por algo ser gratuito para o seu cliente que precisa ser ruim, certo? Afinal, isso queimaria a sua imagem com eles.

Porém, o contrário também é verdade: um SVA de qualidade e com marca forte pode transferir essa força também para a sua marca!

Entendido isso, agora você tem uma nova dor de cabeça: que SVAs escolher para agregar valor aos clientes da sua telecom?

Mumo, SVA de Música. Aplicativo de música MUMO no smartphone e na smart TV.
Mumo, SVA de Música

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *